Europa, Viagens

Balcón de Europa

Antes de ir pra Nerja, quando vi as fotos do ‘misterioso’ lugar que estaria embarcando em menos de dois dias, já que antes só sabia que iria pro sul da Espanha e nada mais, me deparei com as fotos deste lugar e fiquei de boca aberta. O lugar é ainda mais lindo pessoalmente, aquela praça, os detalhes ao redor e a vista…. A vista! É de se ficar horas contemplando tamanha beleza e se perder em pensamentos olhando aquele mar que mistura azul e verde. Fui duas vezes ficar admirando o mar alí daquela enorme varanda, tentando achar onde começava a união de azul-verde e vendo o sol brilhar, deixando as cores ainda mais vivas.

A primeira vez que fui estava vazio, era dia de semana e só tinha uma meia duzia de pessoas (e gatinhos!!). Tinha saído meio correndo do hotel, iríamos só dar uma voltinha pelo centro pra se localizar melhor e não quis carregar a câmera pesada naquele dia (e me arrependi, só pra deixar claro), mas era o momento perfeito pra fotografar. Na segunda vez foi em um sábado, cheio de turistas, pior dia! Meh..

Eu não sei vocês, mas eu fico agoniada quando quero fotografar alguma coisa/lugar e tem muita gente por perto. Por isso, não foquei muito os arredores e seus detalhes. Mas olhem que delícia de lugar pra sentar, tomar um sorvete e ver a movimentação, sentindo aquele ar gostoso vindo do mar.
O calor estava bom (fugindo um pouco do clima chuvoso e frio), mas quente, bem quente. Sendo primavera, acredito que o verão lá seja mais quente ainda, levando em consideração a localização. Estava entre 20 – 26 graus durante manhã e tarde, à noite caia pra uns 15. Mas na sombra durante o dia dava pra sentir um ventinho frio. Eu normalmente passo mal e não consigo aproveitar temperaturas altas e calor muito forte, mas esse estava tranquilo pra mim, não passei mal, só minhas alergias de pele quando esta sol apareceram um pouco, o que eu já esperava. Mesmo com o ar agradável e não aquele abafado que dá vontade de morrer, o sol queimava bastante, não quero nem pensar o tanto que queima quando é verãozão mesmo. Mas ta aí, primavera em destinos assim é definitivamente a melhor época, não é tão tãão quente e não é alta temporada.

                                                          “El Rey Alfonso XII

dio el nombre de Balcón de Europa a este mirador,
con ocasión de su visita a Nerja el dia 12 de enero de 1885″

 

//You Might Also Like

//9 Comments

  1. Camila Faria

    maio 12, 2014 at 2:35 pm

    Lugar perfeito Taís. Queria TANTO passar uma tarde aí, tomando um sorvete, jogando conversa fora…

  2. Georgia Visacri

    maio 13, 2014 at 2:22 pm

    que fotos lindas, Taís, você arrasa! Eu te entendo quando diz que muita gente em volta dá aflição na hora da foto, o que me irrita são carros, mas não tem jeito, né? Só nos resta integrá-las à paisagem mesmo! beijos

  3. Gabriela

    maio 13, 2014 at 7:49 pm

    que lugar incrível! acho que mesmo se o dia estivesse nublado, seria bonito de uma outra maneira. deu pra sentir um pouquinho da energia desse pico só pelas fotos. animal!

    bêjo.

  4. Anônimo

    maio 14, 2014 at 6:45 pm

    Sempre que eu vejo lugares lindos assim eu me pergunto se os nativos sabem a sorte que tem de morar num paraíso desses. É muito triste que aqui no Brasil grande parte do povo não se preocupe em cuidar e preservar a arquitetura e história locais. Bjoss

  5. Emilie Escreve

    maio 15, 2014 at 2:16 pm

    …………………Você acha 20-26°C quente…..Ok. Deve ser de um lugar frio. Cara, suas fotos ficaram uma lindeza (apesar de toda essa gente na foto -q).

  6. ana

    maio 15, 2014 at 10:46 pm

    Olá Taís! Obrigada pelo comentário no meiomaio e pela visita 🙂 E já vi que andaste por paragens por estes lados (eu vivo em Barcelona).
    Um beijinho e boas viagens 😉 *

  7. Rodrigo

    maio 16, 2014 at 12:42 pm

    aff que fotos inspiradoras, eu quero!

    <3

  8. Paula A.

    maio 26, 2014 at 7:12 pm

    Que água verde maravilhosa é essa? Parece mentira! :O

//Leave a Reply