Europa, Islândia, Viagens

Blue Lagoon

Definitivamente um dos atrativos mais visitados da Islândia é a Blue Lagoon (Bláa lónið), esse spa geotermal maravilhoso que não dá pra não ir, parada obrigatória! O lugar fica localizado próximo ao aeroporto e pertence ao município de Grindavík.

E olha que eu quase não fui por 3 motivos: primeiro que no dia que eu resolvi ir a tempestade pegou forte e era neve pra tudo quanto é lado, com isso nenhum passeio tava saindo pra fora de Reykjavík por motivos de segurança. Segundo porque no outro dia deu um probleminha lá na Blue Lagoon e eles demoraram pra arrumar, então a entrada só liberou pro próximo dia. E terceiro,  no tal dia, que era o meu último dia na Islândia, tinha combinado de ir com o viking e aí que ele teve um imprevisto e eu tive que desmarcar minha ida no horário que reservei. Mas, já que não dava pra ir cedo, peguei um horário à noite mesmo, já que eu não poderia ir embora sem visitar esse lugar. Ufa, mas deu certo!
(Foto que a M. tirou, minha roommate da Austrália, foi uns dias antes da minha ida)
Como eu fui à noite (e nas pressas), eu nem tirei foto nenhuma lá, quis saber de aproveitar o curto tempo que tive nesse paraíso. No meu último dia na Islândia foi tudo bem corrido, já que por motivos de tempestade acabou tudo ficando pra última hora, inclusive minha ida pra fora da cidade pra ver Aurora Boreal.
A Blue Lagoon é essa lagoa de água termal, ela não é natural, é feita pelas mãos do homem mesmo. Ela fica nesse campo de lava e é abastecida pela usina geotermal que fica ali do ladinho, a Svartsengi Power Station. Eles trocam a água dela, então não precisa ficar com nojinho da água já que muita gente frequenta o lugar….e que água! ♥
A água quentinha maravilhosa da Blue Lagoon é ótima para pele! Depois de sair de lá você sente como sua pele fica boa, por conta de minerais como a sílica e o enxofre. Você encontra a sílica em volta da lagoa e pode passar no rosto fazendo uma máscara. Mas avisando que é ruim para o cabelo, então se você conseguir não molhar seu cabelo na água… maravilha, se molhar, faça uma hidratação depois porque o cabelo fica duro mesmo. Eu não fiz hidratação, então passei uns 2-3 dias com meu cabelo duro. Fazêoquê, né?
A instrutura do lugar é ótima! Eles oferecem vários tipo de pacotes, do mais básico  que te permite a ficar só na lagoa mesmo e você pode passar o dia inteiro se quiser, não tem limite de tempo. Até um mais luxuoso com direito a vinho, restaurante, roupão e mais todas aquelas coisas boas de se estar em um spa!
Na entrada eles te dão uma pulseira eletronica e essa pulseira você não pode perder de jeito nenhum! É com ela que você vai abrir o seu ármario no vestiário pra colocar e tirar suas coisas, e também pra comprar suas bebidas, tem um bar no meio da Blue Lagoon, olha que demais! A ideia da pulseira é ótima, já que você não vai ficar carregando dinheiro se quiser beber algo por lá, na saída eles conferem sua pulseira e só lá no final você paga o que comprou. E falar em compras, a Blue Lagoon também tem toda uma linha de produtos para pele (e cabelo também), não comprei nada, mas os produtos parecem ser ótimos. O Spa também tem toda uma conciêntização com o meio ambiente e fazem pesquisas para tratamentos de doenças de pele.
No vestiário você usa os produtos deles, já que antes de ir pra lagoa você tem que tomar uma ducha, lave seus cabelos com o shampoo e condicionador deles! E dica, passem muuuuito condicionador antes de entrar na água, como já disse, o cabelo fica bem duro.
(Foto da R. minha roommate da Inglaterra, ela foi no mesmo dia que eu, só que de dia. Dá pra ver a sílica em volta da lagoa na foto)
Por ser um spa e ainda na Islândia, vocês devem pensar que deve ser um preço bem absurdo, mas olha, até que eu achei um preço beeeem camarada considerando toda a instrutura do lugar e se tratando de um país nórdico. O pacote básico que  inclui apenas a entrada pra lagoa (o que tá mais que ótimo) e não tá incluso toalhas, roupão, chinelinho todo o mimimi que você vai encontrar nos pacotes mais de luxo, fica 35 euros no inverno e 45 no verão, adolescentes pagam 20 em ambas as estações e crianças têm entrada gratuita. Tá ótimo, né? A experiência de ir nesse lugar vale cada dinheirinho, prometo!
A verdade é que eu fui pra esse paraíso aí sem pagar nadinha! Isso mesmo senhoras e senhores, acontece que a linda da R. ganhou uma entrada extra gratuíta e quando estava indo pra lá acabei trombando com ela e ela me ofereceu essa entrada já que não iria usar. Claro que eu aceitei, né? Essas pessoas lindas que aparecem pelo meu caminho viu ♥
E o que falar da sensação de estar se banhando nas águas termais da Blue Lagoon? M-a-r-a-v-i-l-h-o-s-a!!!!! Coisa dívina, um paraíso!! Você esquece de todos os seus problemas, é muuuuuuito relaxante! Imagine só, você ali nas águas quentinhas vendo toda essas montanhas cobertas de neve a sua volta? Experiência indescritível, só estando lá pra entender e sentir! Eu quase que perco o ônibus pra voltar porque eu não queria sair nunca mais de lá.
Eu já falei que a instrutura do lugar é ótima, né? Vou ressaltar isso mais uma vez, já que tenho certeza que passou pela cabeça de vocês essa questão: Taís, como é que vou entrar em roupas de banho com esse frio de congelar até minha quinta geração pra entrar na lagoa? A verdade é que se você não quiser sentir frio, você não vai nem lembrar que ele existe! A Blue Lagoon começa ali no espaço coberto, você saiu do vestiário e já entra nela, tem uma passagem que te leva pro lado de fora, você já vai quentinha na água, sem pegar frio. Eita maravilhosidade!
Nessa de enrolar pra sair, me trocar, secar meu cabelo (eles disponibilizam secadores nos vestiários!), quase que perco mesmo o meu ônibus pra voltar pra Reykjavík, cheguei lá às 8:15 e o ônibus que me levaria pra fora da cidade pra ver a Aurora Boreal saía às 8:30, quase que perco essa bagaça! Deu tempo, mas o resultado foi que: a lagoa é grande e eu não queria ter que dar toda a volta de novo pra entrar no vestiário por essa passagem pela água, então eu levantei mesmo (acho que tava uns -4 graus, lembrando que a sensação é mais baixa) e fui pela porta normal sentindo aquele vento maravilhoso, claro que tive que correeeeeeeer!
E também, não consegui secar todo meu cabelo antes de sair. Agora vocês imaginem que tive que ir com esse cabelo metade molhado pro meio do nada islandês, com tempetura mais baixa ainda ficar esperando a Aurora Boreal até de madrugada. Preciso dizer o tanto de frio que passei? Não sei nem como sobrevivi pra vir aqui contar essa história pra vocês.
Na Islândia tem vááárias nascentes e lugares estilo Blue Lagoon só que naturais, assim no meio da natureza e não muito conhecidas pelos turistas. Digo que a experiência na Blue Lagoon é maravilhosa, mas se tiver oportunidade de ir nos lugares naturais não pensem duas vezes, além de serem mais baratos ou gratuitos por serem no meio da natureza, também serão lugares mais vazios e que te proporcionará uma experiência mais autêntica. A Kiki mostra nesses dois posts alguns exemplos, como a Secret Lagoon e Reykjadalur Hot Springs, já aviso pra vocês se prepararem, cenas fortes nesses posts, paisagens incríveis!
Não importa a estação, não esqueçam de levar roupas de banho pra Islândia! ♥

//You Might Also Like

//17 Comments

  1. Débora Braga

    maio 13, 2015 at 3:22 pm

    Que sonho! Eu, se um dia for na Islandia, quero ir na Blue Lagoon também!
    Deve ser bem curioso e diferente, e ainda tem essa paisagem lindíssima! Muito chato! hahaha
    Beijos

  2. Kah Souza

    maio 13, 2015 at 6:12 pm

    Gente, esse lugar parece cinematográfico, né? Como lidar? Haha.
    Quando comecei a ler logo pensei no frio antes de entrar e pra sair daí, que maravilhoso terem pensado em tudo isso e criado uma rota quentinha. Sem contar esses detalhes: pulseira, chuveiro, shampoo e condicionador e enfim. Realmente é um preço que vale pagar pra ir num lugar maravilhoso assim e ter essa experiência 🙂 Obs: não lembrava se você já tinha feito post sobre a aurora boreal e sai procurando loucamente aqui… hahahaha vai ter post ainda né?! Sim sim?!

    1. admin

      maio 13, 2015 at 6:36 pm

      Vai ter sim, Kah! Inclusive já dando spoilers.. é o proximo post! hahaha

    2. Kah Souza

      maio 25, 2015 at 5:56 pm

      Vim aqui falar que to com saudades dos seus posts, BEIJOS
      hahahahahahah

  3. Camila Faria

    maio 13, 2015 at 9:40 pm

    Você me mata com esses posts Taís. Que lugar mais MARAVILHOSO! Como sair dessa água quentinha é a minha pergunta. Fiquei louca de curiosidade para conhecer as águas termais naturais, deve ser uma coisa de louco também (muito amor as fotos da Kiki também).

  4. Priscilla Barreto

    maio 14, 2015 at 2:57 pm

    E quando eu digo que tenho as melhores amigas/leitoras blogueiras do mundo ninguem acredita ehehehe muito amor seu último coment Ta!! adorei mesmo.

    Poxa, que lugar maravilhoso parece saído de um filme. Tenho duas amigas que já foram para Islândia e ficaram encantadas com a paisgaem e toda a vibe do lugar. Já tinha ouvido falar no Blue Lagoon, alias a minha mãe é louca para conhecer, ela tem um problema de pele e dizem que a sílica da água é super boa para tratamento, confere?

    bjokas

    Pri

  5. Bárbara Hernandes

    maio 14, 2015 at 8:54 pm

    Gente!!! Lindo, maravilhoso, quentinho AND barato? O preço é muito muito bom, cara! Tô chocada! Ainda mais se formos pensar em preço de país escandinavo… quero muito conhecer a Islândia agora, socorro! A Taís vai ter que bancar viagem pra lá pra todo mundo que lê o blog dela e fica morrendo de vontade de conhecer esse país…. hahaha.

  6. Thay

    maio 15, 2015 at 12:10 am

    Ai meu coração! Que lugar lindo! ♥

    Sério, ainda bem mesmo que tô me ajeitando pra listar todos esses lugares lindos que preciso conhecer, se não ia ficar perdida sem saber por onde começar. Teu blog é uma mega ferramente de incentivo pra mim, já te disse isso? Esse mundão é tão lindo, tão incrível, tenho que sair logo por aí desbravando tudo isso!

    AHH, sua louca, saindo molhada por aí a menos quatro graus!! NOO, tem que ficar vivinha e saudável pra continuar compartilhando essas maravilhosidades com a gente! E cadê post da aurora boreal, senhora? Acho que se eu testemunhar uma coisa dessas ao vivo, desmaio de emoção. *drama queen*

    =**

  7. BA MORETTI

    maio 15, 2015 at 12:32 am

    juraaava que era coisa natural :~ aoshoahsoa mas quero conhecer mesmo assim ♥ é tão linds

  8. Paula A.

    maio 16, 2015 at 8:58 pm

    Ai que sonho, só fico imaginando o quão incrível e relaxante deve ser. Fiquei ultra curiosa com os produtos e a máscara de sílica, hahah. Não imaginava que era tão baratinho assim – por considerar toda a experiência, o valor é ótimo.

  9. Dayane Pereira

    maio 17, 2015 at 4:01 pm

    Uma das coisas que eu pensava sobre a Blue Lagoon era essa questão das roupas de banho, agora já sei que não precisa passar frio #alivio
    Vai demorar pra eu conhecer este lugar , porque quero me programar muuuito bem pra ficar no mínimo uns 15 dias, uma tarde toda só pra ficar de boa na lagoa – que piada infame.
    Um dos lugares que quero muito visitar na Islândia e já tava sentindo falta de você não ter falado sobre! hehe

  10. Larissa Ayumi

    maio 18, 2015 at 2:00 am

    Deve ser tããããããão bom ficar aí, ainda mais no inverno, só não deve ser bom na hora de sair, acho que mesmo pelo caminho quentinho eu ia sofrer um pouco, eu já sofro quando saio de piscina aquecida aqui no inverno do Brasil hahahaha! Acho que sou fraca para choque de temperatura.
    Deve ser bem legal ficar aí relaxando e vendo essa paisagem linda! Sempre ouvi falar desse lago e esse post só me deu mais vontade de ir aí ver hehe!

  11. Larissa Ayumi

    maio 18, 2015 at 2:02 am

    Ah, e sobre a edição de vídeos, eu gostei bastante do Sony Vegas, é bem intuitivo e dá para fazer um monte de coisas nele, você vai pegar rapidinho! 🙂

  12. Mellanye

    maio 19, 2015 at 6:22 pm

    Que lugar maravilhoso!
    Conheço bastante sobre a islândia (que lugar!) mas nunca fui pra lá. Tô planejanto ir, mas primeiro quero uma carta de motorista, sempre me falam que é melhor ter um carro lá. O que você acha? Concorda?
    Tô até vendo que vou passar vários dias. Mesmo sem conhecer, já sei que é lindo <3

    E ah, achei teu blog por acaso, vi que você mora na Irlanda… Eu morei lá, me bateu saudade, acabei fazendo um post e citei teu blog como sendo o lugar que me inspirou 🙂

    Beijos!

  13. Carolina Xavier

    maio 21, 2015 at 2:46 pm

    Nossa que delicia, que lugar maravilhoso, com toda certeza queria conhecer lugares assim
    beijos http://www.blogdaxavier.com.br/

  14. filosofiabotequim

    maio 22, 2015 at 11:25 am

    Lindo. Fiquei mesmo rendida. Sempre que vejo fotos dessa lagoa fico encantada. E o ambiente é lindo. Também não considerei caro o preço da entrada. 🙂 Estou rendida à Islândia.

  15. ingrid

    maio 25, 2015 at 7:58 pm

    Sério, Taís, que paisagem mais inacreditável ra gente de país tropical nao é?

    To aqui tipo tentando superar essas cores e texturas tao diferentes do que a gente ve por aqui.. adoraria entrar nessa água aí e saber como é um banho quente num lugar tao frio e ainda ter "tratamento" pra pele!!! <3<3<3

//Leave a Reply