Viagens

Uma rápida parada em Dresden

Depois de fazer trilha pelo Parque Nacional da Suíça Saxônica, resolvemos parar em Dresden pra comer. Estávamos muito cansados, porem famintos e foi uma ótima ideia parar por lá. Dresden era uma cidade alemã que eu tinha muita vontade de conhecer e mesmo que foi uma visita tão rápida, fiquei bastante encantada com o pouco que vi.

Dresden é a capital da Saxônia e a segunda maior cidade do estado. Ela foi absurdamente destruída durante a Segunda Guerra Mundial. Um lugar que ressurgiu das cinzas! A população judia de Dresden nesse período foi reduzida drásticamente sob o comando nazista.

É uma cidade com muita coisa interessante pra ver e aprender sua história. Tinham me recomendado visitar os museus de lá, mas vai ficar pra uma outra oportunidade.

DSCF5592Nós paramos em um restaurante bem típico alemão (não vou lembrar o nome) e eu estava com aquela esperança de encontrar um currywurst vegano pra experimentar, mas não tinha e pra não passar batido a ~experiência alemã~ no local, pedi uma caneca de cerveja alemã maior que minha cabeça. hehe

Detalhe que, meus amigos pediram uma cerveja da Baviera e o garçom respondeu pra eles algo do tipo ”Você não está na Baviera, se quiser cerveja de lá, só ir pra lá”. Eles deram risada e o cara todo sério. Quando eles me contaram eu fiquei chocada com o que o cara disse, mas de acordo com eles esse era o ”humor da região”. risos nervosos.

Com a barriga cheia fomos dar uma voltinha rápida pelo centrinho de Dresden e eu já fiquei de boca aberta. Dresden foi a quinta cidade alemã que eu visitei e cada vez mais eu fico muito encantada pela Alemanha. Existe cidade feia e sem graça nesse país? Acho que não!

Processed with VSCO with a6 presetIMG_0658IMG_0668IMG_0659IMG_0677Processed with VSCO with a6 presetAinda vou voltar pra Dresden pra bater mais perna e conhecer de fato a cidade com mais detalhes. Se em uma visita rápida assim eu já fiquei apaixonada, quero nem ver conhecendo com mais calma.

Como não visitar a Alemanha umas quinhentas mil vezes nessa vida?

Nesse mesmo dia voltamos pra Leipzig e de madrugada eu iria pegar um ônibus rumo a Frankfurt. Só que, no final das contas, eu tinha zero energias pra encarar essa última parte da viagem e passar o outro dia visitando Frankfurt e Heidelberg. Eu estava muito cansada e com certeza não iria dormir direito no ônibus.

Sendo assim, preferi trocar meu ônibus e deixar pra conhecer essas cidades numa outra oportunidade. Com a nova passagem, meu ônibus parou na cidade de Erfurt por 1 hora e meia, mas acabei nem vendo muita coisa lá. Vi Frankfurt só pela janela do ônibus, mas nem faz muito sentido fazer post desses dois lugares sendo que eu não conheci de fato.

Mas, Alemanha… Se sabe que eu volto, né? Ainda tem tanto lugar pra explorar em terras teutônicas!

Esse foi o último post da sequência da minha viagem Pôlonia/Alemanha third round.
Veja também os posts anteriores:
– Conhecendo Poznań, na Polônia
– Visitando Berlin pela segunda vez 
– Uma manhã em Potsdam 
– De volta à Leipzig e o Stasi Museum 
– Parque Nacional da Suíça Saxônica 

 

//You Might Also Like

//17 Comments

  1. Claudia Hi

    junho 16, 2017 at 3:38 pm

    Ai eu nunca conheço as comidas que você fala Taís rs Mas acho suas fotos lindas. Quando você comer o Currywurst (dei um Ctrl+C aqui, claro) posta uma fotinho por aqui hehe

    1. Taís

      junho 19, 2017 at 11:16 pm

      Vou tentar provar numa proxima visita pra lá, Claudia, ai compartilho aqui se gostei ou nao haha

  2. Ana Beatriz

    junho 17, 2017 at 2:57 am

    São tantas coisas maravilhosas pra ver e admirar que fica díficil fazer tudo né? Em viagens eu prefiro fazer as coisas devagar também (e descansada!). A arquitetura da cidade é muito bonita, a igreja é impressionante! Um dos locais que eu mais curto em outro país é igreja. Sempre tem uma diferente e muito bonita.

    1. Taís

      junho 19, 2017 at 11:18 pm

      É verdade, fazer tudo correndo vc acaba não aproveitando muito, né? 🙂
      Apesar de não ser religiosa eu tb adoro ver igrejas por causa dessas arquiteturas impressionantes que elas têm 🙂

  3. Thayse

    junho 17, 2017 at 10:46 pm

    Alemanha mora no meu coração pra todo sempre ❤ Esse lugar é tão lindo que parece de mentirinha. Suas fotos ficaram maravilhosas com essa luz! E ei, com certeza vai surgir outra oportunidade para conheceres Frankfurt!

    Beijos
    Brilho de Aluguel

    1. Taís

      junho 19, 2017 at 11:21 pm

      Alemanha é só amores mesmo ♥
      Obrigada, Thay.. eu adorei tb a luz que tava na hora das fotos. Pra ser sincera eu tenho mais vontade de conhecer os arredores de Frankfurt mas não faltará oportunidades ^^
      Beijos!

  4. Camila Faria

    junho 19, 2017 at 4:42 pm

    Mas gente, que garçom mais desaforado. Hahaha! E você ficou com fome Taís? Se bem que cerveja até alimenta, né? (ainda mais uma caneca maior que a sua cabeça). Hahaha! Beijo, beijo :*

    1. Taís

      junho 19, 2017 at 11:27 pm

      haha muito, né? xD
      Na verdade eles tinham um prato vegetariano (pasta, como sempre) e que tava bem bom até.. mas não podia ir num restaurante tipico alemão pra comer só uma pasta, por isso rolou a canecona de cerveja 😀 haha

  5. Clayci

    junho 19, 2017 at 6:51 pm

    Gente que humor é esse que me deixou nervosa? ahuhuhauhauha
    Fico imaginando minha resposta de algum garçom tivesse esse humor por aqui haihaiuhauihauiha.. Mas a parada valeu a pena, né? <3

  6. Gabi

    junho 19, 2017 at 9:15 pm

    Ahhh.. só ouço coisas boas de Dresden. Todo mundo diz que é de cair o queixo. E uma amiga que esteve lá recentemente confirmou. E achei o máximo você falar de Erfurt, lembro que postou algo no IG. eu nunca tinha ouvido falar da cidade, mas uma amiga foi pra lá fazer mestrado, e agora essa cidade povoa meu imaginário haha. Beijos!

  7. Laura Nolasco

    junho 20, 2017 at 6:35 am

    Adoro seus posts com fotos e relatos de viagem, já falei né?
    Acho que se fosse eu pedindo a cerveja e tendo essa resposta ia querer me encolher num cantinho e chorar, hahahah…
    Beijos!

  8. Katarina Holanda

    junho 21, 2017 at 4:03 pm

    Também fiquei chocada com esse “humor da região”, quando a pessoa não ri junto depois, fica difícil acreditar que não tem uma verdade ali, né? Hahahaha. Muito linda a cidade!

  9. Bia

    junho 22, 2017 at 2:14 am

    Já me choquei com o humor alemão uma vez, me pareceu bem grosseiro mas depois entendi que é o jeito deles mesmo.
    O lugar é lindo pra variar, parece muito com Praga!

    Bjus

  10. Flávia Donohoe

    junho 26, 2017 at 7:37 pm

    Eu achei essa cidade tão fofa, uma pena que só passei de ônibus, também quero voltar e conhecer mais dos locais e comer bastante também! Pra variar as suas fotos estão incríveis, deixa a cidade mais convidativa!

  11. Ana

    junho 29, 2017 at 8:47 am

    Cerveja da Baviera só na Baviera hahaha so true!
    Adorei!

  12. Lisete Reis

    julho 7, 2017 at 12:36 am

    E esse humor (ou falta dele) europeu? Gente?? hahaha
    Como sempre, você me fazendo viajar um pouquinho pelos seus posts. Me fez lembrar de dois amigos meus de Frankfurt 🙂

  13. Alê

    julho 21, 2017 at 7:08 pm

    Alemães e o jeitinho delicado de ser hahahha Mas devo confessar que eu até curto o jeito direto ao ponto deles.

//Leave a Reply