Europa, Viagens

Pelas ruas e canais de Amsterdam

Demorou, mas finalmente conheci uma das cidades mais queridinhas da Europa, aquela que todo mundo tem vontade de visitar! Eu estava com um pouco de receio de me decepcionar, como aconteceu com Londres. Essas cidades que o hype é grande eu sempre fico com um pé atrás, mas com Amsterdam foi diferente e eu me apaixonei.

Na minha cabeça eu achava que aquelas fotos lindas que se via da cidade era só de uma região – olha a inocência! E chegando lá, fiquei doidinha ao ver que Amsterdam inteira é assim linda com canais, casinhas fofas, barcos, flores e etc. A cada esquina tem uma coisa linda pra fotografar, pra qualquer canto que você mirar a câmera o resultado não vai ser ruim. Que cidade!

Processed with VSCO with a6 presetIMG_0685Processed with VSCO with a6 preset

Passei um final de semana por lá, chegando no sábado cedinho e indo embora na segunda pela manhã. Apesar de não ser uma cidade gigantesca, Amsterdam tem muita coisa a oferecer (fora os arredores) e apenas um final de semana não é suficiente pra aproveitar tudo com calma. Mas, esse era o tempo que eu tinha e com certeza aproveitei cada segundinho!

Fui com a minha amiga Chelsie e o objetivo de ambas era mais curtir a cidade, ver as coisas na calma. Ainda mais que quase perdemos o voo, então só pelo fato de estar lá já estávamos bem contentes.

A viagem dos sonhos pra Holanda é exatamente nessa época que fomos: primavera. Mas apesar de ser primavera, nosso primeiro dia por lá foi nublado e chuvoso, porem muito proveitoso. Andamos bastante e nos enfiávamos em algum lugar quando a chuva apertava.

Aproveito também pra agradecer mais uma vez a maravilhosa da Paula e o Shi pela cia, e também, por nos mostrar essa cidade gracinha que eles moram. Já falei por aqui que pra mim é sempre muito especial conhecer um lugar pelos olhos de quem ali vive, né? Nos enfiamos por cada cantinho lindo, fora os lugares deliciosos que eles nos levaram pra comer. Melhor roteiro! Obrigada mesmo, de coração. E não vejo a hora de voltar e desbravar mais dessa cidade com vocês!

Processed with VSCO with a6 presetProcessed with VSCO with a6 presetProcessed with VSCO with a6 preset

Processed with VSCO with a6 presetIMG_0701Processed with VSCO with a6 preset

São vários os museus ótimos pra se visitar em Amsterdam, mas não fomos em nenhum. Queria fazer uma viagem pra lá com foco nos museus porque tem muita coisa legal pra ver.  Dessa vez não consegui escolher apenas um pra visitar nessa viagem.

Mas algo da listinha de coisas pra fazer em Amsterdam que consegui foi: comer a torta de maça da Winkel 43. Sério mesmo, tirem um tempinho entre as andanças pela cidade pra comer essa maravilha, garanto que vocês não vão se arrepender.

Processed with VSCO with a6 preset

Processed with VSCO with a6 preset

Abriu um solzinho bem na hora para nossa alegria <3

Falando em “arrependimento”, super me arrependi de ter levado uma mochila pequena e não ter espaço pra trazer certas delícias holandesas como os diversos queijos que eles têm por lá. Eu realmente não sabia que os queijos holandeses eram tão bons assim e quase que iria passar batido.

Mas ainda bem que a Paula nos levou pra conhecer uma loja de queijo holandeses, que maravilhoso que foi! ♥
Visitamos a Kaaskelder Henri Willig, que fica bem em frente ao Bloemenmarkt (mercado de flores). Lá você pode experimentar os diversos tipos de queijo, só pedir que eles cortam um pedacinho pra você, fora os acompanhamentos também que são muito bons. Eu acabei levando um queijo com cominho (adoro!) e que vinha com uma mostarda divina. A Chelsie pegou um com pesto e também era muito bom, mas eu gostei mais do meu de cominho mesmo.  Fica aí a dica pra Amsterdam: queijos!!

IMG_0793

Bloemenmarkt – o mercado de flores ”flutuante”

IMG_0795

Falando em flores…E os incríveis campos de tulipas na Holanda, Taís? Pois é, não fui! Mas vou compartilhar com vocês o plano que eu tinha em mente, pra quem sabe assim inspirar quem for pra lá nessa época.

O famoso parque que todo mundo vai é o Keukenhof, que além de ser bem carinho é abarrotado de gente, duas coisas que eu queria evitar. Porem, os melhores campos de tulipas mesmo são fora do parque, ali nessa região de Lisse. Fora que você não precisa pagar pra ver já que eles são abertos e no meio da estrada (se não me engano tem uns que o acesso é restrito).

Sendo assim, meu plano menos turístico era alugar bikes em Lisse e sair pedalando vendo as tulipas (melhor, mais barato e ainda queimava umas calorias. E já que se está na Holanda, façam como os holandeses, pedalem!). A melhor forma seria pegar um trem que nos levasse o mais próximo de lá, achar um local pra alugar as bikes (tem perto do Keukenhof pelas minhas pesquisas) e simplesmente nos perder pelos campos.

Ah, outra coisa pra se lembrar: baixem um mapa offline da área. Antes de me aventurar nesse plano, quis ter certeza com alguém que conhece a região. Por sorte um dos staff do hostel que ficamos era de Haarlem e que sempre vai pra Lisse pedalar. Ele disse que é muito fácil se perder pelos campos (literalmente), ainda mais pra quem não conhece, então é mais que recomendável ter um mapa pra saber como voltar.

Esse era o meu plano pro segundo dia por lá, mas acordamos muito tarde e achei que não valia a pena ir.  Dormimos pouco menos de 3 horas na noite que antecedeu a viagem, andamos muito em Amsterdam e nosso corpo simplesmente não nos obedeceu e resolveu ter um merecido descanso. Dá nem pra culpar o coitado, mas a Holanda não é muito longe daqui e com certeza ainda voltarei pra pedalar em Lisse!

Processed with VSCO with a6 presetIMG_0718IMG_0713IMG_0729 IMG_0727IMG_0706IMG_0731

Agora me digam uma coisa, como é que a gente vai pra Amsterdam e não fica com vontade de ter uma casa-barco? COMO??

Não sei vocês, mas pra mim casinhas-barco deixam a atmosfera da cidade meio mágica. Outra coisa que me conquistou também pelo caminho, foram as pessoas na frente das casas ou na beira dos canais lendo. Uma coisa tão simples, mas que dava aquele quentinho no coração encontrar essas cenas do cotidiano holandês.

IMG_0688 IMG_0691IMG_0705IMG_0730IMG_0734IMG_0744 IMG_0745IMG_0749(Quem consegue achar as 3 pessoas lendo na foto acima?)

Amsterdam é uma cidade muito doida, em todos os sentidos e acho que é exatamente isso que faz muita gente gostar dela.

Passamos pelo famoso Red Light District à noite e foi inevitável o choque de conhecer esse outro lado de Amsterdam. Não consigo nem descrever ao certo como foi a experiência de andar por lá, me deparar com as vitrines, a prostituição legal, casas de shows com porno ao vivo e ver os homens escolhendo as mulheres como se escolhe uma roupa na vitrine de uma loja. É tudo muito surreal, que não dá pra explicar, só indo mesmo pra ver! E claro, sempre bom tomar cuidado nessa região à noite, tem muita gente doida e sob efeitos de drogas também, bom ficar esperto!

E Amsterdam também é essa cidade super fotografável que faz a gente enlouquecer e querer clicar tudo.  Sorry not sorry pela overdose de fotos nesse post!

IMG_0738IMG_0741IMG_0763IMG_0766IMG_0769 IMG_0775IMG_0837

E já que não deu pra ver as tulipas no segundo dia em Amsterdam, vimos a cidade pela perspectiva dos canais em um passeio de barco e também das alturas. Mais sobre isso nos próximos posts!

>>> Vocês que já foram pra Amsterdam, se apaixonaram também? E pra quem não foi, tem vontade de conhecer? Me contem aí nos comentários! ps: quantas fotos nesse post não contêm bikes? haha, Ai Amsterdam ♥

//You Might Also Like

//31 Comments

  1. Pietro Benevenga

    junho 29, 2017 at 6:48 pm

    Tenho muuuuita vontade de conhecer a Holanda, por ser tão liberal, tão cada um cuida do seu sem atrapalhar o outro sabe…bem diferente do pensamento daqui… além de ser uma cidade lymmmda de mais hahaha

    1. Taís

      junho 30, 2017 at 12:32 am

      Sim, realmente outro mundo, vale muito a pena conhecer a Holanda. E Amsterdam é linda demais <3

  2. Laura Nolasco

    junho 29, 2017 at 7:38 pm

    Amei a ideia de pedalar pelos campos floridos hahaha… pena que não conseguiram fazer!
    Adorei a foto com os leitores escondidos também <3 E essa torta de maça? Deu água na boca!
    Acho que eu ia ficar um tanto abalada com esse negócio da prostituição e etc… É bizarro pensar nisso!
    Mas amei as fotos e o post! Aguardando o próximo!
    Beijos!

    1. Taís

      junho 30, 2017 at 12:34 am

      Pois é, mas eu vou voltar e pedalar pelos campos floridos! haha
      É um choque mesmo ver a região do Red Light Distric, Laura.. queria ter filmado minha cara na hora haha
      Que bom que gostou do post, os proximos jaja estão aqui
      Beijo <3

  3. Nath

    junho 30, 2017 at 12:50 am

    Oi Taís!

    Ameeeei as suas fotos. Amsterdã é uma cidade que sempre quis conhecer, especialmente depois que li ‘O Diário de Anne Frank’. Você pensou em incluir a Casa da Anne na sua viagem ou quem sabe na próxima já que vai visitar museus?

    Gosto muito da arquitetura, dos prédios coladinhos, e claro dos canais que são tão característicos né <3

    Adorei o post! 🙂

    Beijos!

    1. Taís

      junho 30, 2017 at 8:16 pm

      Oi Nath, fico feliz que tenha gostado das fotos. Espero que você consiga ir visitar Amsterdam em breve, é linda linda <3
      E sim, numa próxima quero visitar a casa de Anne Frank, espero que eu consiga! 🙂
      beijos

  4. Gabi

    junho 30, 2017 at 12:07 pm

    Eu sou enlouquecida apaixonada por essa cidade. Era pra onde eu queria ter ido quando começamos a debater a mudança do Brasil. Mas ok, vida que segue, está aqui perto, e eu tento ir sempre que possível. Já se foram 4 vezes and counting. Eu acho td isso que você falou… charmosa, romântica, fotogênica, doida, tem de tudo. Os doces deliciosos, as bicicletas lindas, os tijolinhos, os janelões <3 E melhor ainda: o jeito de levar a vida do holandês, super cool! AMO! Que pena que nos desencontramos por 3 dias 🙁 NUma próxima há de dar certo. Beijos!

    1. Taís

      junho 30, 2017 at 8:22 pm

      Também nem acredito que a gente se desencountrou viu! Mas vamos ver se essa vida colocabora e um dia a gente consegue ir pra Amsterdam juntas? Seria muito incrível, Gabi! <3

  5. Camila Faria

    junho 30, 2017 at 7:54 pm

    Amsterdam é mesmo apaixonante. A gente fica parando de minuto em minuto para fotografar, não sabe nem pra onde olhar direito… Hahaha! Aliás, a Holanda toda é assim. Quando eu conheci queria morar em cada cidade que conhecia. Fotos liiiindas Taís! <3

    1. Taís

      junho 30, 2017 at 8:28 pm

      Nem me fale, Cá.. fico doida só de pensar em como não é visitar o interior da Holanda e vilas pequeninas! *.* acho que eu tb ficaria com essa sensação de querer me mudar pra cada uma delas haha

  6. Bruna Guedes

    junho 30, 2017 at 8:06 pm

    Ai tantas fotos lindaass
    Tenho sim muita vontade de conhecer Amsterdã, a primeira foto parece de uma cena de A Culpa é das Estrelas haha tudo muito liindo *–*
    Ah e achei sim as três pessoas lendo viuu, a mais difícil foi a de lá longe, um senhor ou uma senhora :3
    beijo beijoo
    Neoguedes

    1. Taís

      junho 30, 2017 at 8:30 pm

      Acredita que eu nunca vi esse filme? haha
      Sim, o mais difícil de achar é um homem que tá sentado lá meio que no ‘fundo’ da foto xD
      Beijos :*

  7. Thayse

    julho 1, 2017 at 1:07 am

    Eu sempre sonhei com essa torta de maçã e quando fiz o roteiro de amsterdam em algumas horas, eu inclui. Uma pena que por causa dos percalços da vida não tenha dado pra gente aproveitar a cidade quando fizemos a conexão pra Dublin! Mas eu acho que vou me apaixonar quando for, e espero ir em breve (sonhando aqui). Mas achei engraçado que perguntei pra uma professora de inglês aí de Dublin que era holandesa, sobre a torta de maçã e ela disse que não é nada típico da holanda! Que é só bem turístico, mas as pessoas não comem isso na holanda em si. Ela falou dos pratos mais típicos e mencionou mais coisas salgadas e refogados com couve, o que achei interessante, mas mesmo assim ainda quero essa tortinha na minha vida kkk 😀 Achei as três pessoas na foto YAY. Essa cidade parece bem doida e bem linda ao mesmo tempo – mesmo! Isso que deve deixar ela tão encantadora. E essas plaquinhas em holandês que me dão uma lembrancinha de alemão já fazem meu coração disparar! Que amor de post <3 Sua viagem foi super linda! Beijos

  8. Claudia Hi

    julho 1, 2017 at 12:20 pm

    Desculpa Taís mas depois de ver esse pedação de torta de maçã eu não consegui prestar muita atenção no restante do texto. haha

    Nossa eu tenho muita vontade de conhecer Londres, espero não me decepcionar também… mas acho que sempre acontece isso quando as nossas expectativas são muito grandes. A gente sonha tanto com aquilo que quando acontece não é tão perfeito assim rs

  9. Lorraine Faria

    julho 2, 2017 at 3:09 pm

    manda mais foto que a gente vai babar mais ainda! aii amsterdã <3 acho que é uma das cidades que eu mais tenho vontade de conhecer nesse mundão!!! tudo lindo DEMAIS

  10. Clayci

    julho 2, 2017 at 4:08 pm

    Fiquei aqui com vontade de sair pedalando.
    O lugar é incrível e eu acho lindo esse contraste de cores <3

  11. ADRIANA MAGALHAES ALVES DE MELO

    julho 3, 2017 at 12:15 am

    Os canais de Amsterdam são realmente algo de outro mundo. Eu amo! Muito bom seu post. Parabéns!

  12. Alessandra Maróstica de Freitas

    julho 3, 2017 at 1:15 am

    Que lugar lindo! Minha vontade de conhecer Amsterdã aumentou depois de ler seu post. Amei aquela foto das pessoas lendo. É tão bom ver que ainda tem gente que dá valor ao bom e velho livro! Parabéns pelo post!

  13. Débora Resende

    julho 3, 2017 at 1:57 am

    Amo suas fotos! E Amsterdã é linda, né? Queria muito ter ido lá durante o tempo que passei na Europa, mas infelizmente não deu. Ver seu post só aumentou minha vontade!

  14. Wanila goularte

    julho 3, 2017 at 2:01 pm

    MEU DEUS que cidade sensacional! Tô apaixonada por esse post e já tô quase comprando as passagens, hahaha. Sério, me encantei com tudo, principalmente com a ideia de ler um bom livro sentada num daqueles window seats de frente pro canal. Que coisa mais linda!

  15. Rêh Coimbra

    julho 3, 2017 at 3:53 pm

    Que post mais lindo!
    Estou apaixonada, e Amsterdam subiu muito na lista de cidades que preciso conhecer!
    Espero poder ir em breve…
    Obrigada por todas essas fotografias e pelas dicas <3

  16. simone

    julho 3, 2017 at 5:22 pm

    Tenho muita vontade de conhecer sim, suas fotos estão incrivelmente maravilhosas e eu consegui achar as pessoas lendo na foto haha. Sobre a prostituição, isso eu não sabia.
    Charme-se

  17. Flavia Zenke

    julho 3, 2017 at 6:41 pm

    Não conheço Amsterdam mas acredito que não tem como se decepcionar mesmo. Ela é tão linda e detalhes tão fofos que de qualquer ângulo que fotografe fica top. Amei as casinhas barco também!

  18. Deisy Rodrigues

    julho 3, 2017 at 8:40 pm

    Morro de vontade de conhecer Amsterdam, muito charme em uma cidade só, mas acho que teria que ir com um tempo a mais para conseguir aproveitar alguns museus.

  19. Ana Beatriz

    julho 5, 2017 at 2:13 am

    Tenho MUITA vontade de conhecer. Inclusive mandei esse post pra minha mãe pra ver se ela também não se empolga. As fotos ficaram lindas, parece que cada pedaço dessa cidade é charmoso e inspirador, e eu também teria vontade de sair batendo foto de tudo. Eu achei as 3 pessoas lendo na foto, hehe. Demais <3 Que cidade cultural!

  20. Lisete Reis

    julho 7, 2017 at 12:30 am

    Primeiro: nunca se desculpe por compartilhar fotos lindas!! Adorei de verdade conhecer tantos cantinhos de lá, parece maravilhoso. Fiquei apaixonada pelas casas barco <3 A única coisa me frustra nessa cidade são as bikes, nossa. Descobri há algum tempo que sou péssima de equilíbrio e simplesmente não dá pra ir pra lá sem pedalar um pouquinho, né? É um clichê necessário. Preciso trabalhar nissooo
    Post incrível 🙂

  21. Passeio de barco nos canais de Amsterdam - Nýr Dagur

    julho 11, 2017 at 7:15 pm

    […] de ir pra Amsterdam eu não tinha muito em mente fazer esse passeio de barco. Só que chegando lá, vendo as pessoas […]

  22. Tany

    julho 13, 2017 at 2:11 pm

    Eu amo seus posts porque eles são super detalhados no que vamos ver. Nesse caso, a cidade como um todo e depois focado em algum lugar daí me sinto viajando junto. Já falei mil vezes aqui que sou adepta do slow travel também então fico mega feliz de te acompanhar viajando o mundo.

    Ansiosa pra conhecer Amsterdam. É tipo de cidade que a gente tem carinho mesmo nunca tendo ido, sabe?

    Beijo <3

  23. Amsterdam nas alturas - Nýr Dagur

    julho 17, 2017 at 8:23 pm

    […] minha viagem pra Amsterdam eu consegui aproveitar a cidade de vários ângulos diferentes. Andei pelas ruas da cidade, vendo cada cantinho bonito e atravessando seus canais. Também fiz um passeio de barco e pude ver […]

  24. Clara Rocha

    julho 18, 2017 at 5:18 pm

    Lugar mais lindo, com arquitetura encantadora e essa sobremesa. ♥

  25. Alê

    julho 21, 2017 at 7:31 pm

    Ai que feliz que você foi e encontrou a Paula e o Shiota! Eles são uns fofos, saudade deles. Eu me apaixonei por Amsterdam antes mesmo de visitar e quando visitei ainda encontrei a Paula e a Sarah que tornaram a viagem ainda mais memorável. Concordo que tem muita coisa pra fazer lá e por isso quando planejei ir pra lá, quis ir com mais tempo. E as comidas, ai meu pai… E como é uma cidade fotogênica neh? E eu achei as três pessoinhas lendo na foto! \o/\o/

//Leave a Reply